Resenhando: A culpa é das estrelas


Livro: A culpa é das estrelas
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Avaliação: 5 mil estrelas, afinal a culpa é delas!

Em A Culpa é das Estrelas, Hazel é uma paciente terminal de 16 anos que tem câncer desde os 13. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.




                 É tão perfeito que não sei se consigo fazer jus a alma do livro. Sim, ele tem alma. E é daquelas almas fortes que conseguem penetrar em seu coração e te deixar “peraí, o que eu estou fazendo?”, porque é tudo tão inteligente e lindo e triste e alegre e uma infinidade de emoções. É intenso.

Não sei como me expressar melhor. Logo no início do livro, o autor nos brinda com sua versão de como a história é totalmente ficcional, mas é algo que você custa a acreditar, porque você enxerga a dor e alegria tão palpáveis, como se eles estivessem bem aqui.
O que eu tenho a dizer é: quem leu sabe do que eu estou tentando falar e quem não leu, precisa ler imediatamente, porque esse é um daqueles livros que te mostram uma nova concepção de um mundo que você não conhece e de que talvez te dê uma luz de como agir daqui pra frente. Ele me mudou, mesmo.
Não achei nem sequer uma palavra com grafia incorreta e neste aspecto a Intrínseca está de parabéns, além de frases perfeitamente coesas. Há algumas coisas que eu fiquei meio confusa, mas depois entendi (suspeito que o livro seja inteligente demais pra mim!). Ele flui facilmente, terminei em uma tarde. E o comentário do Markus Suzak na capa faz todo o sentido: “Você vai rir, vai chorar e ainda vai querer mais”, foi exatamente o que eu senti. Sim, eu chorei dessa vez. Minha avaliação não poderia ser menos que 5 estrelas, né? Tenho um novo livro favorito. Um livro que cumpriu todas as promessas.
Meu personagem preferido, sem dúvidas, é o Augustus, ele é encantador. Mas a Hazel também não fica atrás, ela é simplesmente genial, aliás, os dois o são. Lindos, delicados, fortes e encantadores. Há aquela diversão sempre presente, mesmo tendo a certeza de que a morte está próxima e isso é o que mais me cativou. Eu quero um o.k. pra mim. 
 “Todo salvamento é temporário – o Augustus retrucou. – Eu proporcionei a elas mais um minuto. Talvez esse seja o minuto que vai proporcionar a elas mais uma hora, que é a hora que vai proporcionar a elas mais um ano. Ninguém vai dar a elas uma quantidade infinita de tempo, Hazel Grace, mas a minha vida deu a elas mais um minuto. E isso não é pouco.”
“Tá, tem razão. Mas você cumpre a promessa mesmo assim. Amar é isso. Amar é cumprir a promessa mesmo assim. Você não acredita em amor verdadeiro?”

30 comentários:

  1. Eu já li esse livro e eu me apaixonei demais por ele HAHAH. a história é super linda e os personagens são envolventes.

    Beijos!
    Larissa

    http://bagaco-de-laranja.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Tua resenha tá tão linda, mas tão linda! To aqui apaixonada pela narrativa do livro. E com Markus Susak elogiando assim, só pode ser bom.

    ResponderExcluir
  3. ACEDE se tornou, de longe, um dos meus livros favoritos, e considero como a melhor leitura de 2012.
    Fiquei completamente apaixonada, ri, chorei, ri mais, chorei mais ainda, e não acreditei que o livro já tivesse acabado. Tô até dando uma de Hazel, tentando imaginar n fins para todos os personagens e tudo o que acontece após o fim hahahahah
    Recomendo pra todo mundo.
    Beijos, Carol
    Thousand Worlds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, eu também fiquei assim. Queria saber principalmente quanto tempo ela viveu :)

      Excluir
  4. Ótima resenha,muito boa MESMO! :D Tô louca para ler 'A Culpa é das Estrelas'
    Beijo
    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  5. Como é bom ter amigos (as) mesmo que do outro lado da telinha! É assim que te sinto amiga virtual é real. È com carinho que passo mais uma vez no teu cantinho para desejar uma linda tarde de Domingo e que amanhã inicie uma semana abençoada com muita paz, saúde e com muita firmeza para vencer os obstáculos que surgirem na tua vida.
    Gosto muito de um pensamento do livro MINUTOS DE SABEDORIA, de C. Torres Pastorino, que diz: TENHA firmeza em suas atitudes e persistência em seu ideal. Mas seja paciente, não pretendendo que tudo lhe chegue de imediato. Há tempo para tudo. E tudo o que é seu virá às suas mãos, no momento oportuno. Saiba esperar o momento exato em que receberá os benefícios que pleiteia. Aguarde com paciência que os frutos amadureçam para que possa apreciar devidamente sua doçura.
    Que saibamos ter esta paciência e a coragem de lutar por nossos sonhos. “Os verdadeiros vencedores na vida são pessoas que olham para cada situação com a esperança de poder resolvê-la ou melhorá-la” Barbara Pletcher
    Bjuss Fica na paz de Deus. Lourdes Duarte http://professoralourdesduarte.blogspot.com.br/

    Lembrando o sorteio, continua, veja link na lateral do blog, faltam menos de 100 seguidores para atingir a meta!! Participem!!


    ResponderExcluir
  6. Ainda não li o livro, mas sua resenha ficou super perfeita e me deu uma vontade de tipo, ler agora!! Só não vou ler agora porque estou lendo 2 livros e vou acabar me embolando com tudo e tals. Mas é minha próxima leitura.
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu já comprei o livro e estou louco para começar a ler este livro. Parece ser simplesmente incrível.

    Amei a resenha.

    Beijo

    O mundo sob o meu olhar

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Todas as resenhas que leio desse livro estão no mesmo clima de deixar o leitor sem palavras perante sua magnitude.

    confesso que não tenho muita vontade de ler esse livro, mas se eu tiver oportunidade, lerei.

    Beijos,

    Samantha Monteiro
    Word In My Bag
    http://wordinmybag.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Parece ser tão lindinho! E eu só escuto opniões positivas. Ah, tenho que ler.

    ResponderExcluir
  10. Até as resenhas desse livro me fazem chorar, meu deus.
    E ainda assim eu não me arrependo pq ele é perfeito.
    É mesmo assim que é amar uma granada. =[
    PAREI, PAREI. Sua resenha ficou linda e eu tenho certeza q vc se debateu com o sentimento de "meu deus não vou conseguir achar palavras pra resenhar" que acomete (quase) todo mundo que lê esse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. senti exatamente isso. Foi uma resenha bastante difícil, porque eu queria adjetivar infinitamente :O
      bjs

      Excluir
  11. É incrível como eu só li resenhas super positivas até agora. Esse livro parece ser tudo que promete e mais um pouco. Preciso ler logo!!

    Beijos,
    http://pitadadecultura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Já li esse livro e gostei bastante. Mas confesso que fui com expectativa demais pra cima dele e isso atrapalhou um pouco. Diferente de muitas outras pessoas, não achei o livro ISSO TUDO que falam, mas eu ameeei ele. A história é muito linda.

    Até mais,
    http://prateleiradepensamentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. no começo eu achei ele lindo, queria muito, principalmente por causa da capa! aiiii, depois da sinopse achei ele um pouco triste DEMAIS... mas, definitivamente, sua resenha reacendeu a vontade dele que me deu! preciso agora hahahaha beijos!

    2bookgirls.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. oi,
    ótima resenha, amei
    Tô louca para ler esse livro, até agora não vi nenhuma resenha que não falasse que esse livro é maravilhoso.
    Minhas expectativas para ele estão super altas, espero gostar

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
  15. Que lindo sua resenha!! Estou com esse livro na minha estante, só esperando pela vez dele!! E sua resenha me fez ter vontade de largar tudo para trás e começar imediatamente a lê-lo.

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Bem legal Juliana.

    Já vi várias resenhas desse livro e tenho muita vontade de ler, mas a fila tá grande. rs
    Mesmo assim, foi muito boa a simplicidade com que você tratou da história sem filosofar. Ajuda na compreensão.

    Quero muito ler e você me fez querer mais.

    Valeu, beijão e continue postando. :)

    ResponderExcluir
  17. Estou ansiosa para ler esse livro, todo mundo fala maravilhas dele!
    Quero chorar, é estranho dizer isso, mas é porque isso significa que o livro é bom, já que são poucos que me fazem chorar!

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Estou ansiosa para ler esse livro, todo mundo fala maravilhas dele!
    Quero chorar, é estranho dizer isso, mas é porque isso significa que o livro é bom, já que são poucos que me fazem chorar!

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Oii Letíciaa!!
    Eu vim comentar aqui no blog e quando ia comentar no post mais recente vi esse, e foi impossível não vim ler a sua resenha. ACEDE também se tornou o meu livro favorito e realmente cumpriu todas as promessas. Chorei bastante com ele e assim como você entendi o comentário singelo e com todo o sentido do mundo do Markus Zusak, o livro realmente faz tudo isso conosco e ainda nos deixa tão emocionalmente abalados que mal sabemos como resenhar, rs. O livro é lindo, encantador e não tem como não amar o Gus, ele foi meu personagem favorito também, mas o Isaac e a Hazel Grace, ou, SÓ HAzel não ficam atrás. Esse livro só me trouxe acréscimos, nunca esquecerei dele e se um dia o fizer, com certeza lerei de novo, rs.
    Beijoo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. só Hazel foi ótimo kkkkkk
      também adoro os dois e o livro é inesquecível sim. Brilhante!

      Excluir
  20. Estou louquinha para ler esse livro, sim... Eu tenho mas não tive tempo ainda, jsahsua.
    Já vi que vou chorar horrores.
    Amei sua resenha :)

    Beijos,
    http://secretsentreamigas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oie, eu li esse livro e confesso (não me batam rs) que ele foi bom, mas só isso, não foi tão bom quanto achei que seria, achei ele bom, releria, mas não entrou para os meus favoritos nem de longe ...

    ótima resenha, sei como é difícil falar de um livro que tanto gostamos rs

    Beijus

    Renata Sara

    amordelivros.blogspot.com.r

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vai de cada um, né? bom, ele me trouxe uma mensagem profunda, por isso gostei tanto.

      Excluir
  22. Esse tema é tão delicado e tenho lido resenhas muito favoráveis a esse livro. Que bom que aborda sem clichês nem pieguismo, que nos faz refletir e que traz uma bela mensagem. Adorei e quero muito ler.

    ResponderExcluir
  23. Um livro maravilhoso que entrou para os meus preferidos. Com uma história delicada, onde o autor conseguiu envolver o leitor sem deixar os personagens com cara de "coitadinhos". Uma ótima opção de leitura.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  24. Conhecendo o blog hj. Adoreei! Sempre que poder dou uma passadinha pra conferir. Beijos

    ResponderExcluir
  25. Eu ainda não tive a oportunidade de lê-lo,
    mais ja esta na minha lista...
    =)

    ResponderExcluir
  26. Nossa, eu amei demais esse livro, sério. O Augustur é realmente muito fofinho, mas eu achei a Hazel mais pela fato dde ela ser bem irônica e divertida. Amei a resenha!

    http://bagaco-de-laranja.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar, responderemos sempre :)